Starbucks: Cafeteria em container

Gostou? compartilhe!

Starbucks: Cafeteria em container

Pensando na sustentabilidade e na inovação, diversas marcas mundo afora estão investindo em unidades construídas com containers. Na Europa e nos Estados Unidos, essa ideia já tem se espalhado há mais tempo e é possível ver cafeterias, restaurantes, lojas, casas e muito mais usando este material.

E os projetos vão ficando cada vez maiores e mais ousados: de estádio de futebol a habitações populares, não há limites para o uso dos containers reciclados. Veja como a Starbucks vem usando o container em seus projetos.

A ideia da Starbucks

A rede de cafeterias mais famosa do mundo inaugurou um projeto bastante diferenciado em Taiwan. A multinacional americana construiu o prédio todo usando 29 containers.

A cafeteria em container usou um estilo arquitetônico bastante inovador, projetado pelo arquiteto Kengo Kuma, garantindo o máximo de modernidade e conforto ao empreendimento. O espaço tem cerca de 32 m² e conta com claraboias para garantir a entrada de luz natural, fazendo com que o ambiente se torne um refúgio para aqueles que querem fazer uma pausa na correria do dia a dia.

No projeto, os containers foram sendo empilhados de forma aleatória, para reproduzir os galhos de um pé de café. Segundo Kuma, essa é uma característica bem clássica da arquitetura chinesa.

A Starbucks de Taiwan é a cafeteria em container mais descolada do mundo, e atrai milhares de fregueses por duas razões: seu café espetacular e seu estilo arrojado, inovador e sustentável.

Além desse, outros empreendimentos também ganharam espaço no mercado. Conheça mais um a seguir.

Keetwonen – Amsterdã

O projeto Keetwonen, um alojamento e moradia estudantil, ficou conhecido por ter sido construído usando cerca de 1034 containers reciclados, tornando-se o maior projeto residencial feito com container no mundo inteiro!

Com uma área de 31 mil m², cada um dos apartamentos possui uma sala pequena, cozinha, banheiro, quarto e uma varanda privativa. Além disso, o complexo também conta com sala de estudos, lanchonete, área esportiva e um supermercado. A construção levou em torno de 1 ano para ficar pronta, e a empresa Tempohousing foi a responsável pelo projeto.

Estádio para a Copa do Mundo 2022 – Catar

O escritório espanhol comandado pelos arquitetos Javier Iribarren e Mark Fenwick assinou o projeto de construção de um estádio de futebol no Catar para a Copa do Mundo de 2022. Sua estrutura, feita com contêineres recicláveis, ao final dos jogos, pode ser desmontada e reconstruída em outros locais.

A ideia de abrigar eventos esportivos e culturais surgiu para economizar nos gastos ao mesmo tempo em que se cria algo sustentável. O Estádio foi construído em um terreno de 450 mil m², próximo ao mar, em Doha, se chama Ras Abu Aboud e comporta cerca de 40 mil pessoas.

Frente a esses grandes feitos, é possível ver o quão versátil é este material. Por isso, ainda mais inovações estão chegando e sendo desenvolvidas para esse mercado, que deverá se destacar ainda mais nos próximos anos dentro do segmento da construção civil. Quer ter seu projeto em container? Fale com a Compass!



Gostou? compartilhe!

Whatsapp COMPASS Whatsapp COMPASS